sábado, 26 de junho de 2010

O choro do Gambá

Que saudades dos jogos do alviverde. Acaba logo Copa do Mundo.

Trocar as vuvuzelas pelas cornetas novamente. Enquanto isso não ocorre, vamos nos divertindo com o choro da gambazinha.


video

quinta-feira, 24 de junho de 2010

Sobre o texto do Forza

Li e achei muito interessante o texto do Forza Palestra. Para quem não o leu, aqui vai o link.

Concordei com quase tudo o que foi dito, alterando alguma coisa, pode traduzir tudo aquilo como pensamento meu, mas discordo sobre o último ano que torceu pela seleção.

A primeira copa que torci foi a de 86, mas entendia muito pouco de futebol, na realidade eu era até então aquele típico torcedor brasileiro, que diz que torce para algum time e pela seleção. No meu caso Palmeiras e seleção.

Na copa de 90 estava na pré-adolescência e foi minha primeira "copa da farra", onde importava pouco os jogos e mais a cerveja. Perder para a Argentina de Maradona foi a água no chopp.

Em 94 a Argentina encantava e Maradona estava jogando demais, mas o dopping o excluiu e sua seleção parou. A partir de então o caminho ficou aberto para o Brasil com seu time de operários somado com o Romário no auge de sua carreira. Romário merecia este título, pois todos os gênios merecem uma grande conquista.

Na copa da França o Brasil tinha um grande selecionado, mas não tinham de ter cortado Romário, pois sempre foi um cara que resolve. Talvez confiar em Bebeto foi o maior erro do Zagallo. Ao contrário de muitos que acharam que a França "comprou" a copa, acho que ela deveria ter sido de fato campeã, como ocorreu. Como disse, um gênio merece uma grande conquista, como Zidani a conquistou.

A copa realizada pela Coréia e Japão foi depois de 86 a copa que torci com todas as forças pelo Brasil, muito mais pela presença do Marcos no gol e Felipão no comando do selecionado. No meu entender, esta foi a copa perfeita, pois conciliou belas exibições com jogos onde a força da camisa prevaleceu. Pra mim esta foi a copa inesquecível.

Em 2006 torci bastante, pela presença do Ducho que sempre gostei e de Ronaldinho "malabarista" Gaúcho. Seleções tem de possuir os melhores, nunca pode deixar um gênio de fora, problema da CBF e Parreira que não conseguiram contornar os problemas fora de campo. A partida contra a França foi uma fatalidade.

Neste ano não me empolgo com esta seleção. Confesso que ainda não assisti um tempo inteiro da camisa amarela. Não consigo assistir à um jogo da seleção tendo um Kaká bambi como sendo o camisa 10. Isso significa que a força está vencendo o talento, não concordo mesmo. Aliás, Dunga não convocou os melhores jogadores, somente os soldados que ele achou importante para seu exército.

Admirei sua coragem em colocar a Globo no seu devido lugar, mas não aprovo a maneira que ele chamou atenção do Alex Escobar. Primeiro que ele não tem culpa de ser funcionário da emissora que muitos odeiam, segundo que o rapaz é um cara muito gente boa, alegre.

A imprensa normalmente não vale a água que bebe, mas deve-se separar os bons dos ruins, que existe em qualquer profissão.

Pensando sobre tudo o que foi dito neste texto, esta é a primeira copa que realmente não torço para o Brasil. Muitos não vão concordar, mas tenho gostado mais do selecionado argentino, pois Maradona, que tem sido um show fora de campo, tem privilegiado os jogadores ofensivos. Prefiro hoje eles, simples assim.

Torço para que as camisas que possuem uma história no futebol siga adiante, pois prefiro os grandes jogos. Uma pena ter Alemanha e Inglaterra logo nas oitavas, ou por outro lado é bom, pois já teremos a partir de agora grandes jogos.

Viva a Copa, mas que acabe logo para poder rever meu time de coração, este sim torço sempre, independente da fase.

terça-feira, 22 de junho de 2010

Mandando os devidos #chupas

Por problemas particulares não consigo "blogar" como de costume, mas neste pequeno tempo que eu tenho, mandarei os #chupas que acho mais apropriado:

Chupa Galvão Bueno: Quando era mais novo até gostava do cara, mas depois de tantos anos e tantas bobagens, não há santo que aguente. Este infeliz ainda é o porta-voz da emissora câncer.

Dia sem Globo: Desde que assinei Sky há muitos anos atrás que nem sei o que significa Globo. O canal SporTV com todos os vícios ainda é melhor.

Tadeu Schmidt: Não sei por que os twitteiros mandam o chupa pra ele, inclusive o acho um cara bacana, mas como todo mundo anda mandando o seu #chupa, deve haver algum motivo.

França: Não pela desclassificação em si, mas pelo povinho que deixaram o técnico francês ficar de uma copa a outra. Povo idiota!

Agora não será o #chupa, mas uma sonora vuvuzela para o Sr. Dunga.

Por mais que a Globo sempre teve privilégios, educação cabe em qualquer lugar. O profissional Alex Escobar é um cara do bem, portanto, não merece o teatrinho do ATUAL técnico da seleção.

Atualização:

#chupapaulinho: Estava me esquecendo, pois o Kaká bambi mandou uma "direta" no pai dos 1nho e o "querelado" até este momento não veio defender seu "pai" em qualquer post. Terá havido algum problema?

quinta-feira, 17 de junho de 2010

Fotos da nova casa Verde

Calma galera.... até sábado terão as fotos...

quarta-feira, 9 de junho de 2010

Torcedor do time das Marias revoltado com a saída do Gladiador

video

Considerações sobre o vídeo:

1) O Palmeiras é o maior de todos, o Cruzeiro é pouco mais do que nada.

2) Kléber sempre demonstrou que queria retornar ao Palmeiras.

3) Ele nunca mais vai querer voltar para este time de marias

4) #CHUPA

quinta-feira, 3 de junho de 2010

Curtas, pois não me deixam dizer mais

Perder já é ruim, para o Flamengo piorou, com gol do Traíra podem fechar as portas.

Este time tem um monte de cara "gente boa", mas definitivamente não dá!

Eduardo pode ser um monte de coisa, menos jogador do Palmeiras.

Vítor está se apequenando com este time. Muito burocrático. Mudem a filosofia logo, antes que ele se acomode.

Danilo e Maurício Ramos jogaram direitinho, todos os méritos para o traíra rubro-negro.

Não temos atacantes, Kléber é apenas nossa primeira esperança.

Perdemos Seraphim e infelizmente continuamos com Cipullo, mas a maior decepção tem o nome de Luiz Gonzaga de Mello Belluzzo. Na próxima eleição torço para Paulo Nobre. No mínimo é uma cara nova no comando.

Saudades do velho Palestra. Tenho muita, muita satisfação de ter pisado lá um dia. Mas precisamos da Arena. Talvez este será o único grande mérito do Belluzzo, ter dado o passo definitivo para a construção do novo estádio. Ficaria muito feliz se o estádio fosse inserido na copa de 2014, no mínimo para um jogo, de preferência da Itália. Detesto patriotismo de ocasião, detesto a Globo.

A cada jogo que disputamos me sinto verdadeiramente palmeirense, pois não é fácil torcer para este time, principalmente o deste ano, mas o amor por estas cores é tão grande que não deixa os bundões que comandam o clube abalar este sentimento.

Para salvar esta gestão somente as contratações de Kléber (praticamente confirmada), Valdívia ou Alex (até mesmo os dois) e Felipão. Depois disso, tenho certeza, nem precisamos do título nacional, talvez da Sulamericana.

Somos do tamanho de nossos sonhos.